Aba 1

    NOTÍCIAS

    Postado em 10 de Setembro de 2014 às 08h40

    MERCOAGRO CARNE & LEITE - Abre maior feira de processamento de proteína animal da América Latina

    “O Oeste Catarinense demonstra para o Brasil e para o mundo como se produz riquezas”, disse o governador em exercício Nelson Juliano Schaefer Martins durante a abertura, que ocorreu nesta terça-feira, em Chapecó, da mais importante feira da indústria de processamento de proteína animal da América Latina. Schaefer valorizou a força, unidade e capacidade dos empreendedores da região e enalteceu o status de Estado Livre de febre aftosa que contribui para o crescimento e desenvolvimento, não apenas do agronegócio, mas de toda a economia.

    Durante a solenidade de abertura, o prefeito de Chapecó, José Caramori, lembrou que a Mercoagro nasceu dentro da feira multissetorial Efapi e destacou a estrutura oferecida para realização da feira. O presidente da ACIC, Bento Zanoni, disse que ao observar a exposição deste ano, percebe-se que os expositores acreditaram na ACIC, na BTS e em Chapecó para realizar a feira aqui. “A confiança e a parceria que dão à feira a dimensão que ela alcançou, se consolidando na América Latina”, comentou.

    Com a expectativa de atrair um público da ordem de 30 mil pessoas, a 10ª edição da MercoAgro Carne & Leite reúne mais de 650 marcas do segmento. “O evento chegou a um elevado grau de maturidade, pois reúne as principais empresas brasileiras e algumas internacionais, exibindo uma quantidade bastante expressiva de marcas, ultrapassando, assim, as barreiras do município, do Estado de Santa Catarina e, quiçá, a barreira do país, atraindo a atenção de outros países”, afirmou José Danghesi, diretor da BTS Informa, organizadora da exposição.

    Para a edição deste ano, um dos diferenciais da MercoAgro é a inclusão dos lançamentos e inovações da cadeia produtiva dos produtos lácteos, num movimento que atende a uma clara tendência de mercado que demandava uma maior sinergia com toda a cadeia de processamento de proteína animal. No caso do leite, foram incluídos também eventos para aprimoramento técnico dos profissionais do segmento. “A Mercoagro evolui assim como o mercado e a produção, vimos a necessidade de introduzir as proteínas do leite porque elas, hoje, fazem parte das matérias primas e ingredientes dos produtos cárneos, através das proteínas do leite em pó e do soro do leite, que antes eram importadas e agora, com o crescimento da produção de leite no Brasil, produzem-se essas proteínas aqui. Assim, temos condições de uso nos nossos processos produtivos de alimentos cárneos e em geral”, disse o coordenador geral da Mercoagro, Vincenzo Francesco Mastrogiacomo.

    Entre os eventos relacionados ao segmento de leite, o destaque, além dos lançamentos e inovações tecnológicas apresentados pelos expositores, será o I Workshop do Leite, voltado para a disseminação de conhecimento técnico e científico destinado a profissionais ligados à indústria de processamento de leite. O workshop está programado para quinta-feira, dia 11, no auditório do Pavilhão Vermelho do Parque de Exposições Tancredo Neves (Efapi). O evento é organizado pelo Senai de Chapecó e a expectativa é de um público de cerca de 100 participantes.

    Além do Workshop do Leite, será realizado também o X Seminário Internacional de Industrialização da Carne, programado para a quarta-feira, dia 10, das 8h30 às 19 horas, no Hotel Lang Palace de Chapecó e que também é organizado pelo Senai. O ciclo de apresentações conta com palestrantes nacionais e internacionais, e deve atrair técnicos, tecnólogos e engenheiros químicos e de alimentos, veterinários, profissionais e estudantes de áreas afins.

    Outra atividade realizada junto com a MercoAgro 2014 é o Salão de Inovação. Trata-se de um espaço que envolve projetos inovadores de estudantes do Senai de Santa Catarina e de empresas parceiras na área de alimentos, integrando a programação técnica e científica do evento. O principal objetivo do Salão é estimular a pesquisa, a formação de parcerias e o desenvolvimento de novas tecnologias entre as empresas e o Senai.

    Ainda em relação à difusão de conhecimento, a 10ª edição da MercoAgro, conta com uma miniusina montada dentro do pavilhão de exposição, com capacidade para processar até 500 litros por dia. O projeto, cujo objetivo é atender as necessidades de pequenos produtores e profissionais da área, foi desenvolvido pelos pesquisadores do Instituto de Laticínios Cândido Tostes, de Minas Gerais.

    Veja também

    Seja Nucleado ACIC15/09 Seja um nucleado ACIC e fortaleça ainda mais a sua empresa. Junte-se a nós e se conecte com mais de 300 empresas! ...
    ACIC 70 anos20/03/17 Fortalecimento da classe empresarial e compromisso com o futuro. Considerada uma das associações comerciais e industriais mais atuantes de Santa Catarina, a Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC)......
    12 projetos são recomendados pelo Fundo Social na região de Chapecó18/12/18Iniciativas estão disponíveis na plataforma online de gestão do Fundo Social O Grupo de Trabalho do Fundo Social de Chapecó se reuniu nesta quinta-feira (13), no SESI, para avaliar os projetos cadastrados na plataforma do FS. Lançado no município no início deste ano, o Fundo Social é uma iniciativa......

    Voltar para Notícias