NOTÍCIAS

Postado em 19 de Julho às 08h04

Compliance Trabalhista

Representatividade e Ações (34)
Ariel Silva, empresário, advogado e professor. Mestre em Direito pela UFSC.
Cursando LLM em Direito Empresarial pela FGV

Na atualidade, as empresas sólidas e lucrativas têm entre suas principais preocupações a longevidade do negócio e o crescimento constante, o que passa por sua aceitação e reputação perante o mercado consumidor.
Nesse contexto, questões como governança corporativa, sucessão no comando da organização e adoção de boas práticas na condução do negócio deixaram de ser uma preocupação das grandes empresas e passaram a ser algo do cotidiano de todos os empresários.
O compliance se insere exatamente no contexto das boas práticas de gestão. O termo tem origem na língua inglesa, no verbo to comply, que significa ?cumprir, executar, satisfazer, realizar o que lhe foi imposto?, ou seja, Compliance é o ?dever de cumprir, estar em conformidade e fazer cumprir regulamentos internos e externos impostos às atividades da instituição?. (Fonte: Cartilha Função de Compliance, Febraban/ABBI/KPMG/PwC/julho/2009).
A mesma fonte acima citada afirma que ?Ser Compliance? é conhecer as normas da organização, seguir os procedimentos recomendados, agir em conformidade e sentir o quanto são fundamentais a ética e a idoneidade em todas as atitudes. ?Estar em Compliance? é estar em conformidade com leis e regulamentos internos e externos.
Compliance implica retidão de conduta legal e ética.
O Compliance Trabalhista objetiva não só a adequação da atividade empresarial aos parâmetros legais, jurisprudenciais e de fiscalização, como as boas práticas de gestão de recursos humanos, a partir de regulamentos internos (código de ética, programa de conformidade, participação em resultados, quadro de carreira etc.), que estabeleçam uma cultura empresarial ética, um ambiente de trabalho harmônico e que estimule a produtividade.
É necessário um alinhamento de medidas de governança corporativa, transparência e ética na gestão, combate à corrupção e a todo desvio de conduta que possa prejudicar o ambiente de trabalho, a imagem e os resultados da empresa. É uma política integrativa voltada à formação de cultura empresarial adequada ao mercado, à lei e à ética.
A implementação do Compliance Trabalhista impacta positivamente em todas as condutas de gestão de capital humano, desde o recrutamento e seleção, estendendo-se durante todo o contrato e abrangendo o período posterior ao próprio desligamento.
Os ganhos propiciados pela implementação do Compliance Trabalhista são vários e repercutem especialmente no âmbito financeiro, através da redução de passivos, segurança nos procedimentos de fiscalização, aumento da satisfação das equipes, ganho de produtividade, boa reputação e imagem e elevação do valor de mercado.

Veja também

Articulação de entidades empresariais define as prioridades regionais14/02/18 Definir as principais reivindicações de real interesse regional e articular, na sustentação dessas reivindicações, as entidades empresariais oestinas. Esse foi o foco do encontro que reuniu, nesta semana, na sede da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), o vice-presidente do Sistema Fiesc Mário César de Aguiar e os dirigentes......
Projeto 20 Minutos Um evento para mudar a relação com os negócios09/07Iniciativa é do Núcleo de Jovens Empreendedores da ACIC Chapecó e ocorrerá no dia 08 de agosto Proporcionar à comunidade um evento diferenciado e inovador, unindo a sociedade empreendedora e proporcionando conhecimento. Esse é o objetivo do Projeto 20 Minutos, promovido pelo Núcleo de Jovens Empreendedores (NJE) da......
Almoço Empresarial da ACIC recebe Distribuidora Nilo Tozzo em Setembro03/09/13 A Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), promove no dia 11 de setembro, na cantina do Cesec em Chapecó mais uma edição do Almoço Empresarial. No evento, que conta com apoio do Banco Regional de......

Voltar para Notícias