NOTÍCIAS

Postado em 28 de Abril de 2017 às 09h41

Núcleo de Sustentabilidade da ACIC - Visita técnica proporciona troca de experiências e novos conhecimentos

Eventos (64)

Com objetivo de conhecer como as empresas têm aplicado os conceitos de sustentabilidade empresarial em seus negócios o Núcleo de Sustentabilidade da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) promoveu, recentemente, uma visita técnica na empresa nucleada Nord Electric. “Essa ação foi programada para sociabilizar os conhecimentos que estamos tendo na caminhada deste novo Núcleo da ACIC e como cada empresa tem colocado em prática o aprendizado”, explicou o coordenador do Núcleo, Nelson Eiji Akimoto.

No início da visita, a coordenadora técnica da Fundação Científica e Tecnológica em Energias Renováveis (FCTER), Luciana Maldaner, apresentou a entidade que é voltada ao desenvolvimento nacional de forma sustentável, por meio de ações para a ampliação científica, tecnológica e de inovação. Na sequência, os nucleados conheceram um pouco da história da Nord Electric e os investimentos da empresa em sustentabilidade. Entre as iniciativas está o prédio – o primeiro edifício industrial ecoeficiente de Chapecó, inaugurado em 2010. Entre os conceitos de sustentabilidade estão a orientação solar com aproveitamento da iluminação natural, captação de água da chuva e energia elétrica complementar solar e eólica. Atualmente, entre 65% e 70% da energia anual da empresa é gerada com as placas solares.

De acordo com Akimoto, adotar práticas sustentáveis é indispensável para os bons negócios. “As empresas não vão sobreviver se essas responsabilidades forem ignoradas”, frisou. Um dos grandes objetivos do Núcleo é a disseminação do conceito de sustentabilidade empresarial e adoção de práticas que tornem as empresas mais sustentáveis e que sirvam de inspiração para outras organizações.

“Todas as empresas podem começar a ter ações sustentáveis sem grandes investimentos. Alguns autores denominam essas ações de ‘nanopráticas’, isto é, pequenas ações que representam muito. Economizar água, não desperdiçar energia, imprimir nos dois lados do papel, separar e destinar corretamente o lixo, gerar oportunidades de emprego digno, não ter trabalho infantil, fazer bons negócios e ter lucro que se possa divulgar e se orgulhar, colaborar com a comunidade, entre outras. Para mim são ações importantes na vida de uma pequena ou grande empresa que trazem resultados nos três pilares da sustentabilidade”, finalizou Akimoto.

Veja também

Encerra nesta sexta-feira a votação para a eleição do Empresário do Ano 201714/11/17 A votação on-line para eleição do Empresário do Ano, edição 2017, uma iniciativa da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) que completa 25 anos, encerra nesta sexta-feira (17). O evento conta com o apoio institucional do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e das Cooperativas de Crédito SICREDI e SICOOB. Os......
Contribuinte poderá saber em 24 horas se caiu na malha fina do IR22/02 O contribuinte que apresentar inconsistências na declaração do Imposto de Renda 2019 poderá ser informado se caiu na malha fina da Receita Federal em menos de 24 horas. A partir da próxima segunda-feira (25), o sistema......

Voltar para Notícias