NOTÍCIAS

Postado em 15 de Fevereiro às 14h18

Câmara rejeita pedido de informação

  • ACIC CHAPECÓ -
  • ACIC CHAPECÓ -

Requerimento solicitava o envio de ofício à Prefeitura para saber os motivos pelos quais a Administração não respondeu a questionamentos enviados pelo Observató

Por maioria dos votos, foi rejeitado na sessão dessa quinta-feira (14) requerimento que cobrava da prefeitura e da Comissão de Licitações do Município respostas sobre por que a administração municipal não respondeu a questionamentos enviados pelo Observatório Social de Chapecó. Entre os pedidos que não tiveram retorno e que receberam respostas consideradas insatisfatórias ou parciais estão temas relacionados à rede municipal de ensino, cargos comissionados, coleta de lixo e o elevado da avenida Leopoldo Sander.

O autor do requerimento, vereador Cleiton Fossá, reforçou a importância da transparência dos serviços públicos e da atuação do Observatório Social para contribuir no controle da aplicação dos recursos e para a promoção de uma sociedade mais ética e cidadã. “Nem todo pedido de informação significa que há uma irregularidade do outro lado, nem todo pedido visa a demonstrar o ato de oposição ao governo, pelo contrário, muitas vezes é para auxiliar o Executivo, que tem uma grande estrutura e cujos mecanismos de controle interno às vezes não são eficazes”. Ele ainda argumentou que o Parlamento “precisa entender o motivo da não resposta” e se posicionar sobre o tema.

O empresário Bento Zanoni, que assistiu a sessão junto de outros representantes da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), ficou surpreso com a rejeição do requerimento. “O Observatório Social é uma entidade sem fins lucrativos, com empresários trabalhando voluntariamente pela transparência à sociedade. Não tem porque não responder aos questionamentos”.

Zanoni ainda destacou como fundamental a iniciativa da entidade em acompanhar o trabalho dos vereadores. “Os empresários e toda a sociedade deveriam participar. A ACIC está presente e apoia a transparência, o Observatório e todos os projetos que vêm a favor da comunidade de Chapecó e região”.

REQUERIMENTOS

Na sessão foram aprovados três requerimentos. Um deles solicita o envio de ofício à Casan pedindo o motivo da constante falta de água no bairro Paraíso, dados sobre os bairros onde há dificuldade em atender a demanda e o que a companhia está fazendo para ampliar seu sistema. O outro pede informações sobre o projeto de construção e entrega do Centro de Educação Infantil (CEIM), no bairro Seminário. Há ainda pedido para o envio de ofício à prefeitura para que sejam encaminhadas informações acerca da equipe e estrutura da Defesa Civil.

MOÇÕES E INDICAÇÕES

Os vereadores também deram parecer favorável à moção para a Secretaria de Saúde estabelecer um rígido protocolo para que o paciente seja avisado o mais breve possível caso tenha seu exame, consulta ou outro procedimento cancelado.

Também foram aprovadas 12 indicações. Elas incluem pedidos para: viabilizar um campo de futebol de grama sintética no bairro Vila Real; trocar a placa que sinaliza o Centro de Saúde Familiar Quedas do Palmital; manutenção do asfalto na rua John Kennedy; melhorias na Escola Severiano Rolim de Moura; manutenção da Escola Dilso Cecchin; estudo de viabilidade para construção de lombada física na rua Cunha Porã, próximo à Farmácia Popular no bairro Efapi; colocação de uma faixa de pedestre na rua Sete de Setembro, em frente à Udesc; limpeza e manutenção dos containers de lixo da cidade; instalação de placa de sinalização proibindo virar à esquerda na rua Wenceslau Bras sentido à avenida Fernando Machado;instalação de aparelhos controladores de temperatura no posto de saúde Chico Mendes, do bairro Presidente Médici; manutenção da rua Descanso, no bairro Eldorado; e instalação de lombada ou outro redutor de velocidade na rua Lindolfo Stangler, no bairro Jardim Itália.

BANCADA DO OESTE

Em visita a Chapecó, o deputado Fabiano da Luz esteve presente na sessão dessa quinta-feira da Câmara Municipal. Ele falou sobre a criação da bancada do Oeste na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), que deve contar com 16 parlamentares. O objetivo da iniciativa, idealizada pela deputada Marlene Fengler, é unir forças para defender os interesses da região. De acordo com Fabiano, a primeira ação do grupo será debater o Aeroporto Municipal Serafim Enoss Bertaso. A bancada também pretende discutir sobre as rodovias, recursos aos hospitais, estrutura de educação, segurança pública e setor produtivo.

HOMENAGEM

A gerente de Comunicação da Aurora Alimentos, Isabel Cristina Machado, foi homenageada pela Câmara de Vereadores durante a sessão pela conquista do prêmio Antunes Severo, um reconhecimento da Associação de Dirigentes de Vendas e Marketing de Santa Catarina (ADVB/SC) ao profissional do ano no marketing catarinense.

Veja também

Observatório Social de Chapecó apresenta primeira prestação de contas10/11/16 Fruto da iniciativa de representantes da sociedade civil organizada com o objetivo de estimular a cidadania e a ética, monitorando a qualidade da aplicação dos recursos públicos, o Observatório Social (OS) acompanha licitações e ações de educação fiscal em todo o País. Em Chapecó a entidade atua desde janeiro de 2016. Para......
Empresas podem se inscrever para o Troféu ACIC de Excelência07/11/17 Está aberto o prazo – até esta sexta-feira (10) – para a inscrição das empresas habilitadas a receber o Troféu Acic de Excelência, concedido anualmente pela Associação Comercial e Industrial......
Projeto para redução no número de vereadores vai tramitar na Câmara de Chapecó13/02Proposta foi protocolada e após reunir o número mínimo de assinaturas seguirá para análise das comissões permanentes A diminuição no número de vereadores foi colocada em pauta na sessão dessa terça-feira (12) da Câmara de Vereadores de Chapecó. A proposição do vereador Neuri Mantelli é reduzir os eleitos......

Voltar para Notícias